Entenda agora como sacar o auxílio emergencial no caixa eletrônico

Atualizado em 25/11/2020

Diferentemente de outros programas sociais de transferência de renda, como o Bolsa Família, o beneficiário do auxílio emergencial não recebe nenhum tipo de cartão para realizar o saque presencialmente.

O governo tem repassado o benefício de apoio às famílias de baixa renda, durante a pandemia, desde abril. No entanto, o saque continua sendo motivo de dúvida pra muita gente. Portanto, nesta segunda-feira (23), daremos aqui o passo a passo para sacar o auxílio emergencial no caixa eletrônico.

Em meio à pandemia de coronavírus, que nos obriga a manter distanciamento social em situações do cotidiano, a Caixa Econômica Federal lançou o aplicativo Caixa Tem. O propósito, claro, é agilizar os pagamentos com o método digital e, assim, evitar mais aglomerações e filas nas agências.

O aplicativo funciona como uma espécie de carteira virtual que o beneficiário recebe, automaticamente, quando é aprovado no programa de auxílio emergencial.

Com o dinheiro depositado na poupança social digital, chamada de Caixa Tem, passa a ser possível movimentá-lo através de formas virtuais, assim que passa a ser disponível.

Já o saque, através de um terminal de autoatendimento, é feito respeitando um segundo calendário específico para a retirada em espécie.

Diferentemente de outros programas sociais de transferência de renda, como o Bolsa Família, o beneficiário do auxílio emergencial não recebe nenhum tipo de cartão para realizar o saque presencialmente.

Sendo assim, o saque no caixa eletrônico é feito sem a necessidade de um cartão. Mas é preciso utilizar o Caixa Tem para conseguir.
.

O passo a passo para o saque do auxílio no caixa eletrônico é o seguinte:

  • Com o acesso feito à página principal do aplicativo Caixa Tem, o usuário deve procurar por “Saque sem cartão” que geralmente fica no fim do menu do app;
  • Dentro desta opção, será gerado um código de segurança que servirá de permissão para sacar no caixa eletrônico.
  • Vale ressaltar que o código só é válido por um período de uma hora. Portanto, é recomendado que seja gerado no momento de fazer o saque. Mas se for expirado, basta refazer o mesmo procedimento, quantas vezes for necessário.
  • Com o código em mãos e de frente para um caixa eletrônico da Caixa, o beneficiário vai apertar em “Entra” e depois escolher o auxílio emergencial;
  • Depois, o terminal irá pedir que o CPF do titular do benefício seja informado. Em seguida, o código mais recente gerado no aplicativo deve ser informado.

Pronto. O dinheiro estará disponível para o saque. Basta inserir qual valor deseja sacar em dinheiro no momento.

O mesmo procedimento de saque sem cartão pode ser feito em uma agência lotérica. A diferença é que deverá informar o seu CPF e o código para o/a profissional que fizer o atendimento.
.

Beneficiários do Bolsa Família podem sacar a qualquer momento no caixa eletrônico

Quem recebe auxílio emergencial através de cadastro no Bolsa Família não se preocupa com o calendário de saque.

É que este grupo de beneficiários não teve nenhum tipo de alteração no calendário, e nem na forma como recebe o recurso repassado pelo governo.

Assim, no mesmo dia em que o dinheiro é depositado em sua conta, o beneficiário do Bolsa Família pode comparecer a um caixa eletrônico ou lotérica para fazer o saque utilizando Cartão Cidadão e senha.
.

Fonte: Folha GO