Coronavírus: 15 dicas de segurança para quem precisa sair de casa

Atualizado em 3/7/2020

Muitas pessoas voltaram a se locomover para o trabalho na medida em que as restrições da COVID-19 estão sendo liberadas e os negócios estão reabrindo.

Para as pessoas que estão usando transporte público, serviços de carro compartilhado ou dividindo o carro, a grande proximidade com outros passageiros pode criar preocupações sobre segurança e risco de ser infectado. A Dra. Abinash Virk, médica de doenças infecciosas da Mayo Clinic, avisa que é importante não esquecer que a doença continua ativa e por conta disso é preciso tomar certos cuidados e precauções.

“É importante que as pessoas se lembrem que a COVID-19 ainda continua ativa nas comunidades. É ainda mais importante que as pessoas se lembrem que o vírus afeta mais severamente as pessoas mais velhas e imunocomprometidas. Logo, os viajantes devem pensar nos familiares e amigos para quem eles podem potencialmente transmitir essa infecção.”

Virk oferece algumas sugestões de medidas de segurança que você pode tomar se estiver viajando com outras pessoas ou usando o transporte público. Confira abaixo:

Carros:

  • Os viajantes devem usar uma máscara de pano ao dividir o carro com pessoas que não são sua família.
  • Não tem problema viajar com o ar-condicionado ligado. Não há dados conhecidos sobre a contribuição do ar condicionado como causador da infecção.
  • Evite oferecer e compartilhar garrafas de água, lanches ou outros itens. Cada passageiro deve manusear suas próprias sacolas e pertences.
  • Limite o contato próximo dentro do veículo, quando possível, e distanciem-se fisicamente uns dos outros quando estiverem fora do veículo.
  • Se estiver usando seu próprio carro, limpe e desinfete as superfícies de alto contato, como as maçanetas das portas, encostos para o braço, volante e cintos de segurança.

Transporte público:

  • Ao usar o transporte público, as pessoas devem usar máscaras e evitar tocar em seus rostos com as mãos.
  • É muito importante usar álcool em gel para diminuir o risco de infecção. É sabido que as pessoas podem comprometer ou contaminar suas máscaras com as mãos. Portanto, a higiene das mãos precisa ser mantida.
  • Use higienizador para mãos à base de álcool com graduação de pelo menos 60 por cento e então lave as mãos com sabonete e água quando você chegar ao seu destino.
  • Se puder, considere locomover-se fora das horas de pico quando é mais provável que tenha menos pessoas, entre e saia dos ônibus pela porta de trás, se possível, e use formas de pagamento sem contato quando for possível.
  • Ao fazer uso prolongado do transporte público, se possível, evite comer para não ter que tirar a sua máscara. No entanto, se a máscara for tirada para comer ou beber, levar lenços desinfetantes com você pode ser útil. Mesmo nesse cenário, a higienização das mãos é o componente mais importante.

Outras dicas importantes:

  • Antes de sair, lave suas mãos frequentemente com sabonete e água por pelo menos 20 segundos ou use higienizador para mãos à base de álcool com graduação de pelo menos 60%.
  • Ao chegar ao seu destino, lave suas mãos novamente com sabonete e água por pelo menos 20 segundos e repita o procedimento.
  • Evite também tocar os olhos, nariz e boca com as mãos sujas.
  • Cubra-se ao tossir ou espirrar com um lenço ou use a parte interior do seu cotovelo.
  • Jogue lenços utilizados no lixo e lave suas mãos imediatamente com sabonete e água por pelo menos 20 segundos ou use higienizador para mãos à base de álcool com graduação de pelo menos 60 por cento.
  • Se você não estiver se sentindo bem, é importante ficar em casa e não usar transporte público.

Fonte: Pipeify